Amato emagrece

Tempo de leitura: 4 minutos

Amato emagrece
5 (100%) 3 votes

Amato emagrece

Amato é um medicamento utilizado para convulsão e por saber que o Amato emagrece, muitas pessoas começaram a fazer o consumo desse medicamento para esse fim. O Amato já não é o primeiro medicamento para tratamento de problemas no sistema nervosos central que é utilizado para fins de emagrecimento, a sibutramina foi outro medicamento que teve um uso semelhante, mas no final foi visto que na verdade era um grande risco para a saúde.

”Mas então, será que o Amato emagrece mesmo? E como ele emagrece, já que é um medicamento anticonvulsivante? E quais são os riscos? ” Se você chegou até aqui é porque provavelmente tem essas dúvidas e vamos explicar todos esses pontos para você.

O Amato emagrece mesmo?

Como eu disse acima, o Amato é utilizado para o tratamento de convulsões, mas também é utilizado para a prevenção de crises de enxaqueca. Por atuar no sistema nervoso central, ele tem alguns efeitos colaterais como a inibição da fome. Atenção para o efeito colateral, isso significa que isso é apenas um efeito adverso que pode ou não ocorrer dependendo da pessoa, ou seja, ele não foi produzido para isso e nem pode garantir a inibição da fome.

Existem algumas teorias de como o Amato emagrece através da redução do apetite e uma delas é o sistema de recompensa. Os pesquisadores acreditam que o Amato atua no sistema límbico, parte do cérebro relacionada com o prazer a recompensa. Ao atuar nesse sistema, você não vai mais sentir tanta vontade de comer, mas esse é um fator mais importante para quem é compulsivo ou busca acabar com a ansiedade comendo.

Com tudo isso, você já pode imaginar que o Amato emagrece na maioria dos casos, mas que isso não é tão certo assim e nem sempre vale a pena pôr em risco a sua saúde para emagrecer. Afinal, existem medicamentos e outras formas próprias para emagrecer com saúde.

Além disso, é mais importante ter saúde do que ser magro e se você não utilizar o Amato para se alimentar de forma saudável, para deixar de comer frituras e passar a comer mais frutas, por exemplo, ele não vai melhorar em nada a sua saúde. É importante notar também que se você não fizer uma reeducação alimentar enquanto estiver tomando Amato, irá engordar tudo de novo ou até mais quando parar a medicação, afinal você não vai tomar ele para sempre.

Outros efeitos colaterais do Amato

O Amato tem outros efeitos colaterais além de emagrecer, os principais são:

  • Confusão mental e dificuldade para se concentrar;
  • Pedra nos rins;
  • Sonolência;
  • Tontura;
  • Alterações de humor;
  • Depressão;
  • Fadiga;
  • Diminuição da coordenação motora;
  • Boca seca;
  • Náuseas;
  • Queda de cabelo;
  • Perda de memória.

Para quem é indicado

A gente já descobriu que o Amato emagrece na maioria das vezes, mas que é indicado para todas as pessoas? Como você já deve imaginar, ele não é indicado para todos. Alguns médicos indicam o Amato para emagrecer, mas só em casos extremos.

A maioria dos médicos que utilizam o Amato para esse fim só indicam para os casos de obesidade mórbida ou para quem engordou por causa do uso de algum medicamento, ou seja, a pessoa pode até ter uma alimentação saudável, mas engordou por outro motivo e por isso a única função do Amato seria dar uma força para ela voltar para o peso ideal.

Conclusão

O Amato emagrece, mas seu uso não é muito recomendado a não ser para casos muito específicos e muito extremos, mas mesmo assim se você puder emagrecer de outras formas a sua saúde vai agradecer e muito, além disso o emagrecimento sem medicamentos é um emagrecimento mais eficaz, pois vai ser mais difícil voltar a engordar depois.

Se mesmo sabendo e assumindo todos os riscos você resolver tomar o Amato, siga direitinho as recomendações do médico e não faça superdosagem com o intuito de emagrecer mais, pois uma dose maior não faz com que o poder de emagrecimento seja maior.

Caso você utilize o Amato para emagrecer aproveite esse tempo de pouca fome para fazer uma reeducação alimentar, procure se alimentar de forma mais saudável e assim vai ser mais fácil se manter em forma após a interrupção do medicamento. Além disso, lembre-se que a prática constante de exercícios físicos é sempre importante para a manutenção da saúde.