Lipocavitação: Funciona ou é uma fraude?

Tempo de leitura: 5 minutos

Lipocavitação: Funciona ou é uma fraude?
5 (100%) 3 votes

Lipocavitação: Funciona ou é uma fraude?

A busca por um corpo perfeito cresce a cada dia e com isso o número de tratamentos estéticos que prometem acabar com a gordura localizada e a celulite também cresce. E neste mar de opções como você vai escolher a melhor? Como não sair no prejuízo ou pior ainda acabar tendo uma cicatriz ou efeito colateral causados pelo mau uso do tratamento?

Este artigo vai falar sobre o tratamento chamado Lipocavitação e tentar esclarecer o máximo possível sobre essa técnica que é nova no mercado.

O que é Lipocavitação?

O tratamento também conhecido como cavitação, ou ultracavitação, é um tratamento onde o aparelho de ultrassom emite uma onda sonora que penetra na pele e chega até as células de gordura causando um dano físico as células que se quebram e liberam a gordura em 2 partes, sendo uma o ácido graxo e o glicerol. O glicerol vira água e é liberado pelo corpo e o ácido graxo é reaproveitado pelo corpo como energia.

Ou seja a Lipocavitação é indicada para o tratamento da gordura localizada, podendo amenizar a celulite, o tratamento não é indicado para sobrepeso ou obesidade.

Nota: A Lipocavitação emite um ruído agudo e fino e só acontece com um ultrassom com uma frequência específica (45Mhz) para tal, não é aquele que normalmente encontramos em clínicas de estética que possui 3Mhz.

Contraindicações do tratamento

O tratamento é contraindicado para gestantes, pessoas com histórico de tumor ou câncer, gordura no fígado (esteatose hepática), colesterol alto, problemas de pele, epilepsia, varizes ou veias dilatadas, doenças cardíacas, osteoporose, fibromialgia, hipertensão, diabetes, problemas renais, e se você utiliza implantes ou próteses metálicas.

Cuidados e exames necessários para realizar o tratamento

Para realizar o tratamento você não precisa de nenhum cuidado especial, apenas faça os exames de colesterol, triglicerídeos e ultrassonografia de fígado.

Cuidados após a Lipocavitação e riscos para a saúde

O tratamento direciona a gordura para os vasos linfáticos então a drenagem ajuda a otimizar a eliminação do conteúdo por este sistema.

Não há risco para a saúde, desde que o tratamento seja feito conforme o protocolo, numa clínica confiável e aplicado por profissionais como fisioterapeutas, médicos ou esteticistas treinados. O principal problema que eu encontrei durante as minhas pesquisas foram os aparelhos fabricados em outros países que podem causar algum dano ao paciente pois a sua qualidade é inferior, por isso cuidado com o preço baixo pois o barato pode sair caro.

É recomendado que você beba bastante água 2 horas antes do tratamento e repita o procedimento após o tratamento, o ideal é de pelo menos 2 litros de água.

Qual é o preço da Lipocavitação?

Eu pesquisei bastante e vi relatos de pessoas que fizeram por 120 reais e outras por 800 (por sessão), não tive como saber qual o valor mais confiável, porém você precisa fazer em média 8 sessões o que acaba sendo um preço um pouco salgado comparado aos riscos de encontrar uma clínica meia boca.

Vou precisar fazer exercícios depois do tratamento?

Sim! Pensou que era fácil né? Que não ia ter que fazer nada, só ficar no sofá vendo televisão? Se deu mal pois não existe milagre! Este tratamento libera energia quando a célula de gordura é rompida e por isso se você não fizer exercícios e cuidar da sua dieta aquela gordurinha medonha vai voltar para te infernizar a vida.

Lipocavitação dói?

A Lipocavitação funciona mesmo sem causar dor, mas pode causar desconforto no local da aplicação.

Lipocavitação funciona? Quando eu começo a ver os resultados?

Entre quatro a oito sessões. No entanto, os efeitos podem variar, dependendo das características do indivíduo e da quantidade de gordura no local de realização do procedimento.

Qual o intervalo entre as sessões?

O recomendável é pelo menos 72 horas entre as sessões, assim o seu organismo tem tempo para recuperar-se.

O tratamento pode ser feito em todas as áreas do corpo?

O tratamento não pode ser aplicado a todas as partes do corpo. As áreas a serem evitadas são: cabeça, rosto, pescoço, seios, tórax, umbigo, antebraço, articulações, órgãos genitais, costas, tornozelos ou nas glândulas linfáticas.

Posso consumir bebida alcoólica durante a Lipocavitação?

Não pois o consumo de bebidas alcoólicas pode sobrecarregar o seu fígado.

O tratamento substitui a Lipoaspiração?

Não, pois o tratamento retira menos gordura do que uma cirurgia.

Lipocavitação antes e depois

Confira os vídeos com os resultados de pessoas que fizeram o tratamento.

Lipocavitação | Só Magra não: Sarada!

Como perder gordura localizada (Lipocavitação + Modellata)

MAGRINHA NO VERÃO: LIPO SEM CORTE

Você Bonita – Lipocavitação (26/01/15)

Eu recomendo que você pense bem antes de fazer o tratamento e tenha em mente que não existe milagre, você vai precisar seguir uma dieta balanceada e praticar exercícios físicos regularmente. Lembre-se de cuidar da sua saúde em primeiro lugar.

Para melhorar a sua dieta eu recomendo a leitura dos artigos:

Para te ajudar a ficar em forma eu recomendo os artigos com vídeos de exercícios para fazer e casa:

Você já fez o tratamento de Lipocavitação? Deixe o seu comentário abaixo contando a sua experiência.